Mil e uma sapatilhas: Produtos, valor da franquia e se vale a pena.

O dia a dia das mulheres é bastante agitado e com inúmeros afazeres, como o trabalho, estudo, filhos e outros compromissos consigo mesma. Com toda a certeza, manter o equilíbrio entre vida pessoal, profissional e ainda cuidar de si é uma tarefa cansativa, e por isso o conforto para os pés é primordial. Aliás, sem calçados confortáveis, práticos e bonitos, muito da agenda diária poderia ficar para trás. A Mil e Uma Sapatilhas é uma franquia que oferece calçados que proporcionam beleza e bem estar. Até porque, as sapatilhas tem sido preferência entre as mulheres que querem praticidade.

Mas além das sapatilhas, as lojas da marca também vendem diversos outros tipos de sapatos femininos. Por exemplo, chinelos, tamancos, tênis, sandálias, rasteirinhas, mocassin, linha infantil, entre outros.

Uma loja de sapatos é versátil e, principalmente, sendo para o público feminino, possui uma grande procura.

Então, para você que deseja investir neste setor, trouxemos informações completas sobre a Mil e Uma Sapatilhas, que é uma das alternativas para se tornar um franqueado.

Como começou a Mil e Uma Sapatilhas

Em meados de 2015, a sócia fundadora da marca, Renata Marcolino, sacou R$ 4 mil da poupança, com o intuito de vender sapatilhas em casa, para suas amigas e todos que tivessem interesse em adquirir os produtos.

Logo após, mais precisamente em novembro do mesmo ano, o sucesso já era evidente. Então foi aí que a empreendedora Renata, decidiu abrir a primeira loja, no bairro do Tatuapé / SP.

Assim nascia a Mil e Uma Sapatilhas.

Cerca de um ano depois, já com o formato de negócio formatado e testado, a marca tornou-se a franqueadora Milli.

Com o passar do tempo, a rede obteve um crescimento exponencial, tanto que em dezembro de 2017 já eram mais de 45 lojas abertas.

Além da expansão em território brasileiro, a marca começou a exportar seus produtos, em fevereiro de 2019. Essa primeira unidade fora do Brasil foi inaugurada em Medelín, na Colômbia.

A Mil e Uma Sapatilhas segue mantendo sua marca jovem, simpática e amiga. Assim como a visão de se tornar uma rede reconhecida por todas as brasileiras.

Raio X da Marca nos dias atuais

Número de unidades em funcionamento: mais de 150

Consultoras: mais de 10.000

Presença no Brasil: 22 estados brasileiros

As lojas estão localizadas em diversos estados e bairros, como por exemplo:

  • Rio de Janeiro RJ – Niterói, Barra Mansa, Nilópolis, Taquara, Rio das Ostras, Araruama, Bonsucesso, Penha, Cabo Frio;
  • Paraná – Maringá;
  • São Paulo – Sorocaba e Itaquequecetuba;
  • Pará – Belém;
  • Goiás – Goiânia;
  • Amapá – Macapá.

Preços e Produtos

A linha de produtos é extensa. Assim, os clientes podem encontrar:

  • Sapatilhas – preços a partir de R$ 37,99;
  • Anabelas – partir de R$ 59,99;
  • Bolsas – a partir de R$ 49,99;
  • Entre outras opções.

A franquia Mil e Uma Sapatilhas vale a pena?

Sem dúvida, é fácil encontrar uma grande variedade de lojas de sapatos. Isso faz com que os consumidores tenham muitas opções para sua escolha.

No entanto, essa não é uma má notícia, uma vez que onde existe uma grande oferta, significa que há demanda.

Mas para conquistar as mulheres apaixonadas por calçados, é necessário ter diferenciais. E isso, decerto, a franquia Mil e Uma Sapatilhas tem mostrado que possui.

Entre as principais vantagens, estão:

  • Sapatilhas com preço único;
  • Preço acessível de todos os itens;
  • Novos modelos são lançados semanalmente.

Além da variedade, preço justo e qualidade oferecidos às clientes, os franqueados contam com suporte completo, não só na escolha do ponto comercial, como também na implementação e no dia a dia da operação.

Valor da loja Mil e Uma Sapatilhas

Calçado na cor rosa da franquia Mil e Uma Sapatilhas

De fato, abrir uma franquia exige organização das finanças e de tempo.

A saber, a dedicação começa antes mesmo da inauguração. Afinal, é preciso pesquisar muito antes de optar por uma franquia. Além disso, é fundamental fazer contas e mais contas, para se certificar de que suas possibilidades financeiras, estão de acordo com o estipulado pela marca.

Em seguida, você conhece os números da franquia.

Valor da franquia Mil e Uma Sapatilhas: R$ 170 mil
Taxa de franquia: R$ 45 mil
Estimativa de faturamento mensal: R$ 84 mil a R$ 150 mil
Rentabilidade: 11% a 15%
Tamanho da Loja: a partir de 40m²
Previsão de retorno: 16 a 24 meses

Além dos custos iniciais, tem as despesas fixas e mensais, que devem ser levadas em consideração, dentro do seu planejamento financeiro. São elas:

Fundo de marketing: R$ 500/mês
Salários e encargos trabalhistas: 2 a 5 funcionários
Royalties: não é cobrado

Como ter uma revenda

Se você está com o intuito de lucrar com a venda dos calçados da marca, porém não tem o valor necessário para o investimento inicial, saiba que é possível ser uma revendedora / consultora.

Essa é a maneira mais acessível de lucrar com os calçados Milli, sem ter que dispor de um alto investimento. E é isso que milhares de consultoras tem feito em todo o país.

As revendedoras podem trabalhar nos dias e horários livres, tendo na Mil e Uma Sapatilhas, um complemento de renda.

Vale saber também que os preços de compra são diferenciados e a rede não faz consulta ao SPC ou Serasa.

Para saber informações completas, é preciso preencher um formulário no site oficial da marca.

Considerações Finais

Se você gosta de moda, tem paixão em lidar com o público e satisfação em oferecer produtos de qualidade, certamente abrir uma loja ou ser revendedora da Mil e Uma Sapatilhas, pode ser a oportunidade que você esperava.

Portanto, para iniciar uma operação de varejo, inicie sua pesquisa a cerca da marca. Além disso, verifique se a sua localidade é mais favorável para uma operação física ou para o modelo porta a porta (revenda).

Por fim, ao verificar que esta é realmente a melhor opção para o seu investimento, mantenha uma relação próxima e amistosa com a rede. E isso, não só com a franqueadora, mas também com os demais franqueados.

Afinal, o franchising é um sistema de ajuda mútua, onde quem já está no negócio, oferece sua experiência e conhecimentos. E por outro lado, quem está “chegando”, investe seu dinheiro e força de trabalho na expansão da marca.